quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

UBA BUDO SEDE /BUENOS AIRES




LOCALIZAÇÃO E HISTÓRIA


A roça Uba Budo localiza-se na parte leste da ilha de S. Tomé, no actual distrito de Cantagalo, perto da cidade de Santana, a 240 metros de altitude, e dista 12 quilómetros da capital. Esta roça foi fundada em 1875, pertencia à Companhia Agrícola Ultramarina e tinha como administrador geral Humberto Gomes Amorim. A roça é constituída por nove dependências, que são: Santa Clotilde, Vila Celeste, Apolónia, Clara Dias, Pedroma, Guégue, Pinheira, Uba Budo Velho(Praia) e Guégue Velho.


Vista das senzalas a partir da casa grande






IMPLANTAÇÃO

Uba Budo (sede) implanta-se em forma rectangular, com os edifícios virados para o interior, marcado este por um enorme terreiro, que dispunha no passado de uma torre sineira no centro. Servia de igual modo o terreiro de centro de actividades (como, por exemplo, as que ocorreram durante a visita, em 22 de Maio de 1954, do Presidente Francisco Higino Craveiro Lopes à ilha de São Tomé.
Entrada principal da roça

Casas de passagem

O pombal

A casa grande situa-se no eixo do terreno, sob um embasamento que a destaca do resto e é também o eixo de simetria entre dois espaços da roça: de um lado, o hospital (em ruínas), as casas de passagem que se implantam na pequena colina por detrás da casa grande, a casa dos trabalhadores brancos, a padaria, a lavandaria e o armazém, onde funcionavam a oficina de mecânica, a carpintaria e escritórios; do outro, situavam-se a capela, a casa dos capatazes, a casa do médico, a cozinha comunitária e as senzalas, as quais se implantam em banda, com quatro blocos e um pequeno terreiro, rematados por um corpo longo totalmente virado para o interior. Nota-se a ausência de aberturas para o exterior, o que limitava o terreno da propriedade, servindo igualmente o terreiro de entrada principal da roça, assinalada por um posto de vigia, com a cobertura de oito águas de espigão cruzado.


A casa grande

A escada metálica em espiral

A casa grande é, no meu ponto de vista, um exemplar distinto das casas grandes existentes na ilha, já que nela ganha evidencia um aumento de ornamentação externa e interna, um certo ecletismo no seu aspecto, fazendo referência à arquitectura neoclássica e à greco-romana, a simetria no desenho das fachadas, com emprego de novos elementos, novos materiais, como o ferro (elemento estrutural) e o gesso, e de no vos espaços no interior da casa. A casa, de planta em”L”, com dois pisos, é servida por três notáveis escadas, que dão acesso à varanda, a qual, não obstante a existência de outras na parte posterior da casa, percorre as suas fachadas formando um “U”. Esta varanda dá acesso à casa, bem como a uma sala redonda totalmente em madeira e encerada (parecida com a da roça Água-Izé)em cada topo da casa, aparecem elementos colados à varanda, já que o piso das mesmas é em madeira e a varanda é ladrilhada. A cobertura é de estrutura em madeira e coberta com telhas marselha.O sistema estrutural da casa é marcado por várias colunas toscanas com ferro embutido, por paredes em alvenaria e pisos em mosaicos, em xadrez no interior.

Vista do terreiro

Nas traseiras, no topo Este, o rés-do-chão é marcado por um espaço vazado que está em contacto com o pátio das casas dos empregados brancos, de que destaca uma escada metálica em espiral, que dá acesso ao piso superior.A partir deste espaço exterior, tem-se acesso directo à varanda do edifício ao lado, com planta em “U”, e que servia de habitação aos empregados brancos, a padaria e a lavandaria.

A senzala

A entrada principal flanqueada por senzalas

Senzalas

Senzalas

O hospital, apesar do avançado estado de degradação, era parecido com os demais da ilha: um volume longo, com um corpo central elevado e vazado com arcos abatidos ao nível térreo.


A capela

Com o passar dos tempos, com as crises e a redução dos hectares cultivados, dir-se-ia que a roça passou a funcionar como “cidade dormitório”, onde a sede era somente, na prática, um espaço habitacional e o espaço de trabalho da roça se concentrava apenas nas dependências, para onde os serviçais eram conduzidos por locomotivas, que rumavam sobretudo para a dependência Uba Budo Praia (Uba Budo Velho).
A antiga casa dos trabalhadores brancos e escritórios

A oficina
A maternidade

1 comentário:

  1. Hello! Excellent blog and great job! I'd like to have your Flag on my flag counter. I need your help for my collection… So, please, simply visit my website about “unusual stamps”: http://www.eryx.it/dentelli/index.htm
    Greetings and good luck!

    ResponderEliminar